Comentários do Leitor

Bula, Para Que Serve E Onde Comprar Com Menor Preço

Maria Amanda Moreira (2019-02-16)


paramonoclorofenol (PMC) é um potente agente antimicrobiano que apresenta-se sob a forma de cristais e possui odor fenólico característico. Possui dupla ação devido às propriedades anti-sépticas do fenol e do íon cloro, qual é liberado lentamente. No intuito de potencializar sua atividade antimicrobiana e reduzir sua citotoxicidade, diversos autores têm sugerido a associação do PMC com outras substâncias, como a cânfora e furacin. Além de aumento da atividade antimicrobiana e diminuição do seu potencial de irritação, a associação do PMC com a cânfora ou com furacin propicia maior poder de penetração do medicamento na dentina e ramificações do canal radicular, fornecendo maior halo de inibição do crescimento bacteriano. É indicado em casos de dentes despolpados quando é tecnicamente difícil uso do hidróxido de cálcio, especialmente em canais muito estreitos, ou quando tempo de permanência do curativo for curto (ENDOLINE, 2013, p 1).

2. Manifestações alérgicas: urticária, dermatite alérgica, reações a medicamentos e soros, asma brônquica e sensibilidade ao pólen. A principal diferença entre efeito colateral e efeito adverso (também conhecido por RAM - Reação Adversa ao Medicamento) é que neste último caso, as consequências são consideradas sempre prejudiciais, enquanto que um efeito colateral, dependendo da situação, pode ser benéfico.

Uma das hipóteses mais aceitas se baseia no fato de que, além de agir como antifúngico, cetoconazol é capaz de reduzir a produção e a atuação de alguns hormônios no nosso corpo, inclusive a testosterona e a sua variante mais associada à alopecia androgenética, a di-hidrotestosterona (DHT). Porém essa ação antiandrogênica (antagonista aos hormônios masculinos) só foi observada até hoje com cetoconazol sistêmico (dentro do organismo). Ainda não existe comprovação científica de que a atuação superficial do produto no couro cabeludo seja suficiente para combater os efeitos do DHT nos folículos capilares.

Rivotril® só deve ser administrado a gestantes se houver indicação absoluta e se os benefícios potenciais superarem os riscos para feto. Rivotril®pode prejudicar seu bebê. Informe seu médico se estiver grávida ou se está tentando engravidar. uso de altas doses no último trimestre da gestação ou no trabalho de parto pode causar arritmia no feto e baixa temperatura corpórea, falta de tônus muscular, depressão respiratória e dificuldade de sucção no bebê. Tanto a gestação quanto a suspensão de Rivotril® podem exacerbar a epilepsia.

A destinação das embalagens vazias de defensivos agrícolas é uma questão de grande importância, uma vez que põem em risco a saúde humana e animal por conterem substâncias químicas perigosas. No Brasil, a utilização desses produtos nas culturas agrícolas tem aumentado anualmente, gerando preocupação entre todos os agentes envolvidos com a produção, revenda e uso de agrotóxicos.

Doses abaixo de 15 mg por dia apresentam efeito predominantemente anti-inflamatório, enquanto doses acima de 20 mg por dia começam a apresentar também ação imunossupressora (inibição do sistema imunológico). Quanto maior for a dose da prednisona, maior será seu efeito imunossupressor e anti-inflamatório.

Reação rara (ocorre entre 0,01% e 0,1% dos pacientes que utilizam meloxicam): alteração de contagem de células do sangue, como diminuição dos glóbulos brancos (leucopenia) e plaquetas (trombocitopenia), alteração do humor, distúrbio visual (inclusive visão embaçada), conjuntivite (inflamação no olho), zumbido, palpitações, asma (em indivíduos alérgicos ao ácido acetilsalicílico ou outros anti-inflamatórios), úlcera de estômago ou duodeno (podendo ser fatal), colite (inflamação do intestino grosso) e esôfago (esofagite), necrólise epidérmica tóxica (problemas graves da pele com surgimento de bolhas e dor, febre, mal-estar geral), urticária (placas elevadas na pele, geralmente com coceira).

Os componentes da sua fórmula têm ação cientificamente comprovada no aumento do hormônio testosterona, daí nome do produto testo", de testosterona, e master", de mais e mestre. Por ser vendido no formato de cápsulas, torna extremamente fácil e acessível tratamento.

A nimesulida pode antagonizar os efeitos dos diuréticos e em particular bloquear aumento da atividade da renina plasmática induzida pela furosemida. A análise farmacocinética da concentração de nimesulida em pacientes sob terapia concomitante com um diurético (furosemida) mostrou que há uma diferença menor neste volume de distribuição, mas não há evidências clínicas disto.

sintomas clínicos e deve ser implementado paralelamente às medidas de descontaminação que visam limitar a absorção e os efeitos locais Se a intoxicação progredir a ponto de causar grave ocorrência de vômito, grau de desequilíbrio eletrolítico deve ser avaliado. Suporte apropriado de líquido perdido deve ser administrado por via parenteral, junto a outras medidas de suporte exigidas (como acompanhamento de pressão sanguinea, respiração, ritmo cardíaco), conforme indicado por sinais clínicos, sintomas e medidas. Em casos graves, as observações deverão continuar pelo menos por alguns dias até que a condição clínica fique favorável e normal. Sintomas de alarme: midríase, incoordenação muscular e tremores.



A submissão de artigos está sendo feita no novo Portal da Revista de Alimentos e Nutrição
Será necessário se recadastrar para submeter novos artigos