Comentários do Leitor

Ômega-3: Quando Vale a pena Tomar

Larissa da Cruz (2018-04-26)


E também seus efeitos no colesterol, óleo de oliva ( e a dieta Creta mediterrânea em geral) parece tornar as pessoas menos suscetíveis a certos cânceres, de forma especial de mama, cólon e próstata. Os melhores óleos de oliva são os chamados de extravirgem , quer dizer, são aqueles com pequeno grau de processamento. O óleo de oliva extravirgem fornece uma cor verde marcante, por ser mais repleto de polifenóis, compostos que conseguem estar relacionados ao conflito ao câncer e aos efeitos a respeito da redução do colesterol. Gestantes, idosos e pessoas com altos índices de colesterol estão liberadas para tomar, pelo menos 2 vezes ao dia, antes ou depois das refeições. 2. Opte por marcas confiáveis e que são livres de metais pesados como mercúrio e óleo oxidado, o chamado ômega 3 manipulado. O ômega 3 maravilhoso, é aquele puro, retirado dos peixes.

alimentos funcionaisPrevine doenças cardiovasculares, degenerativas e inflamatórias O ômega-3 é conhecido como um nutriente cardioprotetor, isto é, beneficia a saúde cardiovascular.Também é primordial pro funcionamento de dois órgãos importantíssimos do corpo humano: o coração e o cérebro. Os ômegas três e seis podem ser localizados em nozes, castanhas, amêndoas, rúcula e óleos vegetais, como azeite, milho, canola, soja e peixes (principalmente de águas profundas). A dieta de quem come carne tem que conter, em média, 2g/dia de ômega-três. Agora os vegetarianos, devem consumir o dobro, 4g/dia, dado que a deficiência nesse nutriente é extremamente maior naqueles que optaram por uma alimentação isenta de proteína animal. Fazer suplementação é sério, principalmente para repor a deficiência de cálcio nos ossos e combater a osteoporose (principalmente mulheres pela menopausa).

De acordo com estatísticas, uma elevada ingestão de antioxidantes reduz em quarenta e seis por cento o suplementos alimentares risco de dificuldades arteriais. Sementes de chia abrandam o nosso sistema digestivo. As pesquisas são realizadas com base no episódio de que estas sementes em contato com um líquido podem formar uma camada de gel, qualificado de regular o grau de açúcar no sangue. A dieta mediterrânea de imediato virou sinônimo de um organismo mais saudável, por ser rica em ômega-3, e desta maneira ser anti-inflamatória e conter o colesterol insatisfatório do corpo. Porém quem diria que ela é também uma enorme amiga da saúde da mente! Cientistas da Instituição de Alabama em Birmingham (Estados unidos) e da Universidade de Atenas (Grécia) descobriram isto em seu estudo, publicado no jornal Neurology no dia trinta de abril. No entanto, foram feitos assim como testes pra apurar as habilidades cognitivas e a memória dos participantes, e foi sobre isto essas informações que os pesquisadores se debruçaram. A conclusão deles foi que os benefícios não se diferem entre negros e caucasianos, e que houve uma redução em 19% dos riscos de dificuldades nesses 2 aspectos em quem seguia a risca a dieta mediterrânea. A única diferença de resultados se deu entre os diabéticos, que formavam 17% do grupo.

"No corpo humano, essas gorduras do bem minimizam a ação nociva de compostos inflamatórios", explica o nutrólogo Celso Cukier, do Instituto de Metabolismo e Nutrição, em São Paulo. Deste jeito, ajudam na cautela de uma série de males que dão as caras em locais díspares como o coração, o intestino e as articulações. Finalmente, como qualquer peixe que se preze, ela é fonte de proteínas de excelente particularidade, ideal para conservar os músculos em dia, e fósforo, um mineral que participa da mineralização dos ossos. Fernandes CAM, Junior NN, Tasca RS, Pelloso SM, Cuman RKN. A credibilidade da liga de dieta e de atividade física na prevenção e controle do Diabetes mellitus tipo dois. Acta Sci. Harris WS. The Omega-três Index: Clinical Utility for Therapeutic Intervention. Oliveira JM, Luzia LA, Rondó PHC. Ácidos Graxos Poli-insaturados Ômega-três: saúde cardiovascular e sustentabilidade ambiental. Segurança Alimentar e Nutricional. Raposo HF. Efeitos dos ácidos graxos n-3 e n-seis na expressão de genes do metabolismo de lipídeos e risco de aterosclerose.

Este ácido graxo atuaria como catalisador da queima de gordura marrom, que tem função de gerar calor para os órgãos vitais. Quando o ômega seis acelera a queima nesse tipo de gordura, o organismo busca energia pela gordura branca localizada na barriga, cintura e quadril. Não obstante, existem estudos que contestam essa dado e mostram que são necessários mais estudos sobre o assunto. Ocorre que esse aminoácido é uma substância precursora da serotonina. Lucyanna Kalluf. A serotonina bem como é considerada como sendo uma substância anorexígena, diminuindo a compulsividade e a fome. Mel: o alimento é um carboidrato fonte de triptofano, com ação calmante que induz a uma impressão de bem estar melhorando a função da serotonina no cérebro. O mel tem uma função considerável como regenerador da microflora intestinal, quando combinado aos lactobacilos presentes no intestino.



A submissão de artigos está sendo feita no novo Portal da Revista de Alimentos e Nutrição
Será necessário se recadastrar para submeter novos artigos