Alimentos e Nutrição Araraquara, Vol. 9, No 1 (1998)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

Efeito hipoglicêmico de alimentos ricos em fibra solúvel. Estudo com giló (Solanum gilo, Raddi)

M. B. SILVA, M. H. M. MENDEZ, S. C. N. DERIVI

Resumo


Dietas com alto teor de fibra têm apresentado resultados positivos em experimentos realizados com diabéticos (animais e humanos), melhorando a tolerância à glicose, reduzindo a hiperglicemia pós-prandial e a taxa secretória de insulina. O presente trabalho teve como objetivo verificar o efeito hipoglicêmico do jiló (Solanum gilo, Raddi), em função da pectina nele encontrado, e compará-lo ao efeito da aveia (rica em β-glucans). O experimento foi realizado em um período de 42 dias, com ratos machos, adultos, da linhagem Wistar, normais e diabéticos (por indução com aloxana), alimentados com rações de caseína, de jiló e de aveia. Foi determinada a composição centesimal das rações e discriminados os componentes da fração fibra da dieta. A glicose sangüínea foi determinada pelo método da glicose oxidase. Os resultados obtidos foram tratados estatisticamente utilizando-se o modelo GLIM - Generalized Linear Models. Apesar de a redução do nível de glicose sangüínea não ter sido significativa, a 5% de probabilidade, observou- se que o jiló possui uma maior tendência do que a aveia em reduzir os níveis de glicose. Estes resultados sugerem a recomendação da inclusâo de jiló, em concentrações maiores que a utilizada, nas refeições de indivíduos diabéticos.


Texto Completo: PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários

A submissão de artigos está sendo feita no novo Portal da Revista de Alimentos e Nutrição
Será necessário se recadastrar para submeter novos artigos