Revista de Ciências Farmacêuticas Básica e Aplicada, Vol. 29, No 3 (2008)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

Estudo de liberação in vitro do filtro solar p-metoxicinamato de octila incluso em lipossoma e β-ciclodextrina

A. C.V. MOTA, N. M. VOLPATO, Z. M.F. FREITAS, E. P. SANTOS

Resumo


O objetivo deste estudo foi comparar a liberação do
p-metoxicinamato de octila (MCO) a partir de três
formulações em gel. A primeira contendo o MCO livre,
a segunda contendo o MCO incluso em β-ciclodextrina
(β-CD/MCO) e a terceira contendo o MCO incluso em
lipossoma (lipossoma/MCO). O estudo de liberação
foi realizado em células de difusão do tipo Franz
usando membrana artifi cial de acetato de celulose. A
concentração de MCO liberada foi determinada por
cromatografi a líquida de alta efi ciência (CLAE). Os
perfi s de liberação in vitro mostraram que a inclusão do
MCO nesses sistemas de liberação reduziu a liberação
do MCO para a solução receptora comparando com
a formulação de MCO livre. Entre as formulações de
β-CD/MCO e lipossoma/MCO, a que liberou menor
concentração de MCO para a solução receptora foi a
formulação de lipossoma/MCO, mostrando os melhores
resultados.

Palavras-chave: p-metoxicinamato de octila; lipossoma;
ciclodextrina; célula de Franz; liberação in vitro.

Texto Completo: PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários

A submissão de artigos está sendo feita no novo Portal da RCFBA
Será necessário se recadastrar para submeter novos artigos