Revista de Ciências Farmacêuticas Básica e Aplicada, Vol. 35, No 3 (2014)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

Café: uma bebida rica em substâncias com efeitos clínicos importantes, em especial a cafeína

Maurílio de Souza Cazarim, Julieta Mieko Ueta

Resumo


O café é uma das bebidas mais populares do mundo, chegando ao consumo aproximado de 6,7 milhões de toneladas por ano. Há certo tempo, alguns dos seus efeitos fisiológicos, relacionados a uma gama de substâncias encontradas na bebida, estão sendo amplamente estudados. Alguns estudos destacam a cafeína como uma substância fundamental para os efeitos estudados desta bebida. O trabalho objetivou discernir e ressaltar alguns efeitos clínicos relevantes da cafeína. Nesse sentido, foi realizada uma busca de trabalhos que valorizam as propriedades clínicas do café, que ressaltam algumas de suas substâncias, e estudos específicos sobre a cafeína, que a atribuem uma abordagem clínica. Foram definidos pelos autores alguns aspectos positivos e negativos dos efeitos clínicos provocados pela cafeína. Assim, reforça-se a discussão sob as perspectivas de uso da cafeína, seja na alimentação, como medicamento ou em estudos de parâmetros clínicos para diabetes tipo 2, arritmias, parada cardíaca, infarto agudo não fatal do miocárdio, Parkinson e Alzheimer. É preciso atribuir, nesse contexto, certa ponderação ao seu uso, relevando a vulnerabilidade do indivíduo e as manifestações clínicas atribuídas à cafeína.

Palavras – chaves: Café. Cafeína. Ciências da nutrição. Farmacologia clínica. Fatores de risco.

ABSTRACT

Coffee: a beverage rich in substances with important clinical effects, especially caffeine

Coffee is one of the most popular beverages in the world, with an approximate consumption of 6.7 million tons per year. Some of the physiological effects of a variety of substances found in the beverage are being widely studied. Some research highlights caffeine as a substance crucial to coffee’s biological effects. The aim of this study was to discern and highlight some of the relevant clinical effects of caffeine. To this end, we made a search for studies related to the clinical properties of coffee, which highlighted some of its main substances, and studies specifically about caffeine, which followed a clinical approach. The authors defined some positive and negative features of the clinical effects provoked by caffeine. Thus, the prospects of using caffeine, in food, as a medicine or in clinical parameter studies of type 2 diabetes, arrhythmia, cardiac arrest, nonfatal acute myocardial infarction, Parkinson and Alzheimer’s disease, were well discussed. In this context, it is very important to give responsible consideration to the use of caffeine, keeping in mind the vulnerability of the individual and the clinical manifestations of this substance.

Keywords: Coffee. Caffeine. Food science. Clinical pharmacology. Risk factors.


Texto Completo: PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários

A submissão de artigos está sendo feita no novo Portal da RCFBA
Será necessário se recadastrar para submeter novos artigos